quinta-feira, 28 de novembro de 2013

Irônico é quando os que dizem te apoiar, te julgam.
... é a pessoa com quem você está não dizer que te ama.
... é você estar velho e ainda dizerem que você tem muito tempo.
... é estar em meio a uma multidão e se sentir só.

quarta-feira, 24 de julho de 2013

De tudo, no fim.

E em meio a uma tempestade de pensamentos perceber que se doou demais a uma pessoa, a um sentimento, a uma verdade. 
Se abriu demais, mas não chegou a sentir o seu aconchego. 

Gostou demais, mas não foi gostado.
Chegou no fim, e se viu sozinho.
Ou, talvez só nunca esteve com ninguém.


quinta-feira, 4 de julho de 2013

Problemas



Talvez não saber até que ponto se pode cobrar algo de uma pessoa seja o problema, ou talvez seja não saber qual é o problema, e no final, quando se soma, diminui e multiplica, bem no final das contas, o problema seja o afeto, o envolvimento. O pele na pele, pensamento no pensamento, corpo a corpo, alma e sentimentos. Verdades impossíveis, ou possíveis que se unem em uma só, ou parecem ser uma só. Um show de ilusionismo, verdades se confundindo com mentiras e formando uma só imagem. Relacionamentos. Pessoas complicadas demais, ou espertas demais ao fugirem quando o assunto se trata de elas mesmas, quando a sinceridade dói, e a perda também. Não saber o que é pior, ficar ou ir. Pegar ou largar, a triste historia do 8 ou 80.

terça-feira, 28 de maio de 2013


"Esquecer, é um truque que a natureza usa para nos desligar aos poucos da realidade da existência."
Moacyr Scliar
Gentileza gera gentileza, bondade gera bondade, ao menos na teoria é assim. Sentimentos? Gera vulnerabilidade. Quanto mais você se abre a um sentimento, a uma amizade, a uma pessoa, as chances de se ferir e magoar são máximas. Uma abertura, não importa o seu tamanho, põe a mostra seus defeitos e alicerces, defeitos que serão apontados e alicerces a mostra para serem destruídos, de modo a afetar sua estrutura, a derrubar e jogar ao chão. Criar uma barreira de sentimentos sempre parece ser a melhor saída, você cria e esconde seus verdadeiros sentimentos, mostra aos outros o que eles querem ver, concorda, sorri e não discute, se torna algo em torno de um sentimento de defesa, um mecanismo que até então parece ser indestrutível, evita todo tipo de sentimento, seja bom ou ruim. Felicidade, apenas a aparente. E vai vivendo, levando a vida, a sua vida, vivendo para si, até então. O que nunca se imagina é que em um dia, pode se conhecer uma pessoa, aquela, que vá quebrar sua barreira, a sua proteção, mas não para substituí-la por outra, como de início pareceu, e sim para arrebentar com o seu alicerce. Com sentimentos, magoas, e até um fundinho de felicidade. Felicidade aquela de pensar "eu devia ter escutado a razão", felicidade aquela que irá colocar tudo nos eixos, em meio a lágrimas, mas ira. Felicidade não tão feliz, apenas felicidade. Ali, bem no cantinho, esperando pelo próximo passo a ser dado. Tentar, porque tentar não é sinônimo de conseguir, não é mesmo?

quarta-feira, 13 de março de 2013

"Dar dois passos para trás, para poder dar um para frente."
 O problema é quando se caminha só para trás, quando não se tem passos para frente, quando a direção contrária é mais atrativa na sua vida, a errada. E no meio de toda a confusão, se repara o quão erradas as coisas estão, em todos os aspectos da vida. As pessoas a sua volta, estão se formando, trabalhando e namorando, estão seguindo adiante. E você? Ah você está ai parada, como se a vida não andasse, esperando que algo bom acontecesse, essa é você. Essa sou eu, indo para o nada, correndo para o incerto e achando certo, e me perguntando -Até quando? Até quando vou correr, correr e continuar parada? Até quando sonhos serão apenas sonhos, e não realidade? Até quando eu não serei feliz?- A vida tem esse jeito engraçado de mostrar à algumas pessoas que elas não fora feitas para vive-la de acordo com suas vontades e sonhos.

sábado, 21 de maio de 2011



Ser forte o suficiente para aceitar seu futuro, aceitar que a distância só vai aumentar mais e mais,o que me incomoda é esse sentimento de insuficiência, mas já ouvi que passa, uma hora esse sentimento vai virar cicatriz, cicatriz que o tempo, mais tarde irá fazer questão de esconder, mas nos dias frios irá deixar a tona, para te lembrar do que faz bem e retomar a dor da saudade, da falta e do amor, e mostrar que podemos ser fortes o suficientes para engolir as lágrimas e toda dor que já foi causada, e apenas almejar felicidade no futuro.